Olá, pessoal. Faz tempo, hein? Quase um ano sem postar nada aqui, poderia dizer que foi por "falta de tempo", mas a verdade mesmo é que foi mais por desanimo e bloqueio na escrita das resenhas rs. Isso somado ao fato de que além de ler eu vejo muitas séries (muitas mesmo!), então eu usava o tempo livre entre ler e tentar assistir tudo o que eu ainda tenho que assistir (e jogar The Sims também rs). Mas enfim, chega de blábláblá e vamos ao que realmente interessa rs.

★★★★★ +♥
Sinopse:
Um beijo dura um instante. Mas mil beijos podem durar uma vida inteira. Um garoto. Uma garota. Um vínculo que é definido num momento e se prolonga por uma década. Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem romper. Um vínculo que vai durar para sempre. Ao menos era o que eles imaginavam. Quando, aos dezessete anos, Rune Kristiansen retorna da Noruega para o lugar onde passou a infância – a cidade americana de Blossom Grove, na Geórgia –, ele só tem uma coisa em mente: reencontrar Poppy Litchfield, a garota que era sua cara-metade e que tinha prometido esperar fielmente por seu retorno. E ele quer descobrir por que, nos dois anos em que esteve fora, ela o deletou de sua vida sem dar nenhuma explicação.

Escolhi esse livro como primeira resenha da volta do blog por motivo de: Precisava falar dele! Eu conheci esse livro em um grupo do Facebook (Loucas e Loucos por Livros), na época em que ainda não havia previsão nenhuma de lançamento aqui no Brasil. Quando fui pesquisar só tinha a versão dele na Amazon em e-book e em inglês. Ele custava R$11,30 (mais ou menos) e então esperei um pouco pra comprar porquê, não sei vocês, mas eu só compro em e-book se ele estiver bem barato mesmo! kkk E ainda bem que esperei, porque a Amazon (♥) fez uma promoção e eu comprei ele por R$1,30 (♥♥♥).

" Beijo número um. Com meu Rune debaixo da cerejeira. Meu coração quase explodiu."

"Foi tão especial quanto especial pode ser"


O livro traz a história de amor de Rune e Poppy que se conheceram ainda criança, e desde então se tornaram inseparáveis. Quando em um dia a avó e companheira de aventuras de Poppy se vê em seu leito de morte, ela se despede da neta com um presente e um último pedido. Entregando uma jarra cheia de corações rosa a Poppy, ela diz que deixaria uma última aventura para ela: coletar mil beijos de garoto. Mas só os especiais, toda vez que ela beijasse um garoto e o coração dela "quase explodir" ela deveria anotar em um coração e colocar na jarra.

"Quando você encontrar o garoto que será seu para sempre, toda você que você receber um beijo extra-especial dele, tire um coração. Anote onde você estava quando foi beijada. Então, quando você for uma vovó também, seu neto - seu melhor amigo - poderá ouvir tudo sobre ele, assim como eu contei tudo sobre o meu. Você terá uma jarra do tesouro de todos os beijos preciosos que fizeram seu coração disparar."

"Poppymin! Isso significa minha Poppy. Para a eternidade, para sempre e sempre. Você é MINHA Poppy!"

"Eu vou te dar mil beijos, Poppymin. Todos eles. Ninguém nunca irá beijá-la, além de mim."

E aí eles crescem juntos, com a promessa de jamais se separar. Viram adolescentes, fazem parte de um grupo de amigos e tem que lidar com o que todo adolescente normal lida. Mas sempre juntos. O romance deles é tão lindo, que foi o meu coração que "quase explodiu" lendo a estória deles.

"Eu não tinha ideia de como viver um dia sem ela comigo. Como respirar sem ela ao meu lado."
Tudo ia perfeitamente bem, até que um dia o pai do Rune precisa voltar para a Noruega a trabalho e avisa que vai levar toda a família, pois será por um período de dois anos. Desesperado, Rune tenta de todas as formas ficar com Poppy, mas seus pais estão irredutíveis na decisão de levá-lo. Sem saída, os dois se despedem com a promessa de que vão esperar um pelo outro. 

"Eu fechei os olhos e imaginei ela sozinha debaixo dessa árvore amanhã - ninguém para ir com ela nas aventuras, ninguém para ouvir ela rir...ninguém para dar beijos-de-garoto de explodir o coração para a sua jarra."

"-Você promete, Rune? Porque eu ainda tenho centenas de beijos-de-garoto que eu preciso que você me dê.
- Sempre. E eu vou te dar mais que mil beijos. Eu vou te da dois, ou três, ou até quatro."

E aí, meus amigos, é onde começa a sua desidratação por choro contínuo! Porque é impossível não chorar com o desespero e a despedida deles. E com a consequência dessa separação...

"Beijo número trezentos e cinquenta e seis. Com meu Rune na sua calçada...quando ele me deixou."


Os dois mantiveram o relacionamento a distância, mas depois de um tempo Poppy simplesmente para de responder suas mensagens e atender a seus telefonemas. 

" Uma vida sem Poppy.
Sem eternidade.
Sem para sempre e sempre.
Apenas...nada."

Dois anos depois, Rune volta para a mesma casa e reencontra Poppy. Mas as coisas já não são as mesmas entre os dois. 

Poppy vai tentar se afastar de todas as formas. Rune quer descobrir o motivo dela ter cortado contado com ele. E o segredo que os separa vai devastar a ambos (e a você também).

"E então eu chorei.
Eu chorei pelo garoto que foi o meu Sol.
Eu lamentei pelo garoto que um dia eu amei com tudo o que eu tinha.
Eu lamentei por Poppy e Rune - um casal de extrema beleza e uma morte ainda mais rápida."

Mil Beijos de Garoto, ou A Thousand Boy Kisses ( que foi a versão que eu li), é um dos livros mais lindos e sofridos que já li! Eu comecei a lê-lo com "um pé atrás" pelo fato de que todos que leram falaram a mesma coisa: Não consigo parar de chorar. E é verdade, você não consegue mesmo! Nunca chorei tanto lendo um livro, a cada linha lida era uma lágrima - tanto que eu comecei a evitar lê-lo em público (rs). 

Eu amei esse livro! Li em inglês pelo Kindle, mas a leitura foi super fluida, só demorei mesmo por conta de tanto que chorava lendo, e aí toda hora tinha que parar hahaha. 
Amei a pureza e o altruísmo do relacionamento deles. É lindo de verdade. O final eu fiquei um pouco na dúvida se gostei ou não, eu na verdade queria que tivesse seguido por outro caminho, mas se parar pra pensar seria realmente difícil (vocês vão entender quando forem ler rs).

Quem já leu conta ai o que achou!

Ps: Minhas quotes estão todas em inglês, então eu dei uma traduzida para pôr aqui e, por esse motivo, pode ser que a minha tradução da quote não esteja da mesma forma que está no livro lançado aqui no Brasil.

Ps2: Vai ter post só com quotes desse livro, porque são muitas e lindas e merecem serem expostas rs.

Se você gostou desse post não esqueça de seguir o blog ali na barra lateral e também nos curtir no Facebook para mais updates. Agora também estamos no Google+, ache o ícone na barra lateral e nos siga. Obrigada!


2 Comentários

  1. Olá!
    Esse livro já estava na minha wishlist, mas agora com essa resenha deu vontade de passar ele na frente de todas as leituras da TBR desse mês, hahah.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Mônica!
      Depois me conta o que achou.

      Beijos!

      Excluir